[RESENHA]"A Rosa da Meia Noite" de Lucinda Riley | Por Renatinha Santos

Sinopse: Atravessando quatro gerações, A Rosa da Meia-Noite percorre desde os reluzentes palácios dos marajás da Índia até as imponentes mansões da Inglaterra, seguindo a trajetória extraordinária de Anahita Chavan, de 1911 até os dias de hoje. No apogeu do Império Britânico, a pequena Anahita, de 11 anos, de origem nobre e família humilde, aproxima-se da geniosa Princesa Indira, com quem estabelece um laço de afeto que nunca mais se romperia. Anahita acompanha sua amiga em uma viagem à Inglaterra pouco tempo antes da eclosão da Primeira Guerra Mundial. Ela conhece, então, o jovem Donald Astbury, herdeiro de uma deslumbrante propriedade, e sua ardilosa mãe. Oitenta anos depois, Rebecca Bradley é uma jovem atriz norte-americana que tem o mundo a seus pés. Quando a turbulenta relação com seu namorado, igualmente rico e famoso, toma um rumo inesperado, ela fica feliz por saber que o seu próximo papel uma aristocrata dos anos 1920 irá levá-la para muito longe dos holofotes: a isolada região de Dartmoor, na Inglaterra. As filmagens começam rapidamente, e a locação é a agora decadente Astbury Hall. Descendente de Anahita, Ari Malik chega ao País sem aviso prévio, afim de mergulhar na história do passado de sua família. Algo que ele descobre junto com Rebecca começa a trazer à tona segredos obscuros que assombram a dinastia Astbury.

Título: "A Rosa da Meia Noite" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Norte-Americana, Aventura, SuspenseAno: 2014| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.

Por Renatinha Santos

Recebi 6 livros para ler e resenhar, dentre eles estava “A Rosa da Meia Noite.” Não gostei do nome, e a capa me deixou meio sem interesse!

Fui olhando as sinopses e lendo os livros, de acordo com o que  mais me agradava. Li os outros livros e fui protelando a leitura deste. Quando vi que não havia mais jeito, que teria de começar a leitura mais cedo ou tarde. E estava mesmo sem nada para ler, decidi que na sexta a noite começaria a ler as 572 paginas do livro! Resultado: fui dormir quase as 5 da manha. E na madrugada de sábado para domingo terminei minha leitura!

Provavelmente o melhor livro que li neste ano!  Um dos melhores que eu já li!


[RESENHA]"Preciso de seu amor" - série “Os Sullivans” #11 de Bella Andre | Por Karita Kinnups



Sinopse: A bem-sucedida corretora de imóveis de Seattle, Mia Sullivan, não é nada boba… A não ser naquela única semana em que entregou seu coração a um músico sensual, que não lhe deu nada em troca além de dias e noites perfeitas em sua cama. Apesar de ter jurado que nunca mais o veria, ele foi o único homem de quem não conseguiu se esquecer. Um dos roqueiros mais desejados do mundo, Ford Vincent pode ter a mulher que quiser… exceto Mia Sullivan. Agora ele sabe que as milhares de fãs que cantam suas músicas não podem preencher o seu vazio. Só o amor de Mia tem esse poder então, ele jura fazer tudo o que for preciso para conquistar o coração dela novamente. Depois de um reencontro, uma atração intensa surge entre eles. Será que, finalmente, Mia e Ford irão descobrir um amor forte o suficiente para durar para sempre? 


 Título: "Preciso do seu Amor" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Estrangeira, Romance| Ano: 2015| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.


 
Por Karita Kinnups


Esse livro é o volume 11 da série “Os Sullivans”. É meu primeiro livro da série, mas pelo que li a autora escreveu uma série sobre a família Sullivan onde cada livro é narrado sobre a vida de um membro da família. O leitor não precisa necessariamente ler toda a série para entender a história atual, pois cada uma tem um enredo diferente.

O volume 11 é narrado sobre Mia, uma corretora de imóveis e Ford um astro do rock muito famoso. Eles tiveram um romance de uma semana e Mia ficou super apaixonada pelo roqueiro, mas ele com atitude egoísta e imaturo acabou colocando um ponto final nesse romance.

[RESENHA]"Desde o Primeiro Instante" Mhairi Macfarlane | Por Renatinha Santos

Sinopse: Rachel acabou de romper um noivado e está decidindo o que vai fazer da vida. Quando ela se encontra casualmente com Ben, um amigo dos tempos da faculdade, seu coração balança. Na época não rolou, mas agora ele parece tão mais interessante... O problema é que Ben está casado, “;fora do mercado”;, como se costuma dizer. Ok, hora de partir para outra. Rachel não é nenhuma mocinha ingênua, dessas que se deixam levar pela emoção. O fato de Ben ser lindo, educado, engraçado, nobre e fiel não é suficiente para tirar Rachel do seu eixo. Claro que não. Na verdade, ele é O Companheiro Perfeito. Pena que seja tão fiel! Apaixonar-se pelo melhor amigo é o sentimento mais gostoso do mundo, mas também é assustador. Descubra o que aconteceu com Rachel e Ben neste livro aconchegante, divertido, emocionante e surpreendente – diferente de tudo o que você já leu.



Título: "Desde o Primeiro Instante" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Norte-Americana, Romance| Ano: 2014| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.


Por Renatinha Santos

Não sei bem se a Mac faz de propósito ou se o universo conspirou (não decidi se é contra ou a favor ainda) em relação aos livros que recebi para leitura! Eu lembro que o primeiro livro que li, após a morte de minha mãe, vítima de um câncer, foi "A culpa é das estrelas", e em seguida "Primeiro Amor". E para completar, em um momento de crise no meu casamento (a Mac nem sabia, coitada!) recebo "Desde o Primeiro Instante" e "O Lago Mistico". 

[RESENHA]"Neve na Primavera" | Por Renatinha Santos




Sinopse:“Seattle, 1933. Vera Ray dá um beijo no pequeno Daniel e, mesmo contrariada, sai para trabalhar. Ela odeia o turno da noite, mas o emprego de camareira no hotel garante o sustento de seu filho. Na manhã seguinte, o dia 2 de maio, uma nevasca desaba sobre a cidade.Vera se apressa para chegar em casa antes de Daniel acordar, mas encontra vazia a cama do menino. O ursinho de pelúcia está jogado na rua, esquecido sobre a neve. Na Seattle do nosso tempo, a repórter Claire Aldridge é despertada por uma tempestade de neve fora de época. O dia é 2 de maio. Designada para escrever sobre esse fenômeno, que acontece pela segunda vez em setenta anos, Claire se interessa pelo caso do desaparecimento de Daniel Ray, que permanece sem solução, e promete a si mesma chegar à verdade. Ela descobrirá, também, que está mais próxima de Vera do que imaginava.”

Título: "Neve na Primavera" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Norte-AmericanaAno: 2014| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.

Por Renatinha Santos


Confesso que ao pegar o livro e ler a sinopse não me empolguei muito. Achei a capa bonita, mas nada que despertasse o meu rápido interesse. Neste livro, Sarah Jio nos apresenta a história de duas mulheres, em duas épocas diferentes e duas dores diferentes. E assim, em capítulos alternados, acompanhamos  a narrativa das duas protagonistas guerreiras!

Primeiro conhecemos Vera, uma jovem de 20 anos e poucos anos que vive de forma precária com seu filho, Daniel, de apenas 3 anos na década de 30. Vemos a luta de uma mulher sozinha para criar um filho em meio a crise que o pais vivia na época! De forma misteriosa o garoto some de casa durante a noite, enquanto Vera trabalhava.

[RESENHA]"Boneca de ossos" de Holly Black | Por Renatinha Santos


Sinopse: Poppy, Zach e Alice sempre foram amigos. E desde que se conhecem por gente eles brincam de faz de conta – uma fantasia que se passa num mundo onde existem piratas e ladrões, sereias e guerreiros. Reinando soberana sobre todos esses personagens malucos está a Grande Rainha, uma boneca chinesa feita de ossos que mora em uma cristaleira. Ela costuma jogar uma terrível maldição sobre as pessoas que a contrariam. Só que os três amigos já estão grandinhos, e agora o pai de Zach quer que ele largue o faz de conta e se interesse mais pelo basquete. Como o seu pai o deixa sem escolha, Zach abandona de vez a brincadeira, mas não conta o verdadeiro motivo para as meninas. Parece que a amizade deles acabou mesmo...

Título: "Boneca de ossos" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Norte-Americana, Aventura, Suspense| Ano: 2014| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.
 

 Por Renatinha Santos

Quando olhei a capa e a descrição do livro não achei que eu iria gostar muito do livro. Sei lá, não me parecia algo que me prenderia, e desta vez.... Eu acertei!!! Até que enfim né, porque sempre gosto mais dos livros que não me chamam atenção, do que dos que já abro e leio no momento que chegam! Não consegui definir em quê especificamente não me agradou no livro em si!

Em "Boneca dos Ossos", o leitor é apresentado a história de três crianças: Poppy, Zach e Alice. Eles são amigos desde sempre e apesar de suas diferenças, eles gostam da mesma brincadeira que envolve a imaginação de cada um. A medida que vão crescendo, as prioridades mudam e a cobrança em relação a outras coisas também aumentam.

[RESENHA] "Grey", de E. L. James | Por Stef Rhoden

Sinopse: A vida estava monótona para o jovem bilionário Christian Grey, até o momento em que Anastasia Steele se estatela no chão de seu escritório. Sem saber explicar ao certo o quê chamou sua atenção na garota, Grey infringe uma de suas regras e começa a correr atrás dela, mas não sem enfrentar uma batalha interna: será que ele deveria vencer seus desejos e manter a inocência de Ana? Ou será que ele deve dar vazão aos sentimentos e trazê-la para seu mundo obscuro?  

Trecho: "Um alvoroço à porta me faz levantar quando um turbilhão de cabelo castanho, baços e pernas pálidos e botas marrons mergulha de cabeça no meu escriório. Contendo minha irritação natural com tamanha falta de jeito, corro até a garota que caiu de quatro no chão. Segurando seus ombros estreitos, ajudo-a a ficar de pé. Olhos límpidos, constrangidos, encontram os meus e me deixam paralisado. São da cor mais extraordinária, azul-claros, e puros. Por um momento horrível, acho que ela pode me enxergar por dentro e fico... exposto". 

Ficha Técnica 
Título: Grey
Autora: E. L. James
Ed. Intrínseca | 2015 | Brochura | 524 páginas | Adquira seu livro aqui

Resenha: Daí eu soube que E. L. James iria reescrever "Cinquenta Tons de Cinza" na visão do Christian. Meu primeiro pensamento foi: 

"Yay!!! Uhulll!! Até que enfim!!!"

O último capítulo de "Cinquenta Tons de Liberdade", o terceiro livro da trilogia "Cinquenta Tons", trazia os dois primeiros capítulos do romance na visão do Christian e eu fiquei curiosa para mais. 
(Não consigo conter um sorriso enquanto escrevo esse "Mais", palavrinha importante para a história!)

Mas logo depois, pensei:

"Ai, droga! E se ela me desapontar?"

Afinal de contas, mulheres escrevendo cabeça de homens, são geralmente um fiasco...
Eu me apaixonei pelo Christian! Estava completamente seduzida por ele! Nenhum outro mocinho roubou meu coração quanto meu Cavaleiro das Trevas. Fiquei seriamente preocupada em passar mais de 500 páginas com ele, ouvindo seus pensamentos e suas emoções. E se a sra. James me deixasse desapontada e me fizesse perder o carinho por Christian, como Sylvia Day me fez perder por Gideon? (falando nisso, prometo que posto uma resenha sobre o último livro da trilogia Crossfire...). Mas, enfim! O livro sairia e eu não ficaria sem lê-lo, obviamente. Comprei o meu ainda na época do pré-lançamento e aguardei ansiosa o carteiro vir me entregar. E, quando isso aconteceu, não preciso dizer que peguei o livro e não o larguei até devorar, preciso?

O que eu penso depois de 524 páginas?

EU AMEI! AMEI MUITO! SE ERA POSSÍVEL, ME APAIXONEI AINDA MAIS POR CHRISTIAN GREY! 

[RESENHA]"A Aposta" de Vanessa Bosso | Por Karita Kinnups


Sinopse: Uma viagem de formatura. Uma aposta perigosa. Lex, o galinha do colégio, terá apenas sete dias para derreter o congelado coração de nina, a garota que odeia quem use cuecas. Nina enlouquece quando descobre sobre a grande aposta do ano. E agora ela quer sangue: o sangue de lex. Em meio a chantagens, intrigas, vinganças, diálogos ácidos, aventuras, romance e momentos hilários, as páginas desse livro entrarão em combustão espontânea. Quem sairá vencedor? Façam suas apostas. O jogo de sedução está prestes a começar.

Título: "A Aposta" | Editora: Novo Conceito| Gênero: Literatura Nacional, Romance| Ano: 2015| Adquiria seu exemplar, aqui. | Leia o primeiro capítulo, aqui.

 
Por Karita Kinnups
A aposta é um romance brasileiro escrito por Vanessa Bosso. E olha que romance, eu classificaria como comédia romântica, pois é impossível não rir e se divertir com essa leitura. O livro é narrado em terceira pessoa, mas tem um diferencial, o próprio narrador da sua opinião ou até mesmo descreve um personagem, situação ou lugar detalhadamente, achei bem interessante.


Como o título mesmo diz, uma aposta está rolando feita pelos meninos do colégio Prisma, a aposta é o seguinte Lex tem 7 dias para fazer Nina se apaixonar por ele. Mas não é tão simples como você pensa.  Nina Albuquerque tem 17 anos, linda, inteligente, tem um corpo de dar inveja em qualquer garota, mas é dura na queda e não leva desaforo para casa, parece que ela atrai confusão e já foi expulsa inúmeras vezes de colégio.


“Nina se aproxima e impulsionada por uma fúria crescente, acerta uma joelhada nas bolas de Lex. O cara empalidece e urra de dor, caindo ao chão.”


[CINEAIL]"Que Horas Ela Volta?" de Anna Muylaert | Por Eleni Rosa


Sinopse: A pernambucana Val (Regina Casé) se mudou para São Paulo a fim de dar melhores condições de vida para sua filha Jéssica. Com muito receio, ela deixou a menina no interior de Pernambuco para ser babá de Fabinho, morando integralmente na casa de seus patrões. Treze anos depois, quando o menino (Michel Joelsas) vai prestar vestibular, Jéssica (Camila Márdila) lhe telefona, pedindo ajuda para ir à São Paulo, no intuito de prestar a mesma prova. Os chefes de Val recebem a menina de braços abertos, só que quando ela deixa de seguir certo protocolo, circulando livremente, como não deveria, a situação se complica.

Título: "Que Horas Ela Volta?" | Diretor(a): Anna Muylaert| Gênero: Cinema Nacional| Ano: 2015|

Por Eleni Rosa 



Dirigido por Anna Muylaert (Durval Discos, É Proibido Fumar), tendo como atriz principal Regina Casé e Camila Márdila, felizmente, ‘Que Horas Ela Volta’ é um filme diferenciado. Em entrevista ao canal Globo News a diretora reafirma que, apesar da indecisão que os críticos têm em posicionar seu filme sendo uma fita de arte ou popular, seu filme é popular, mantendo uma linguagem fácil e um final de esperança. Seu diferencial é ir além dos clichês atualmente apresentados nas telas.



‘Que Horas Ela Volta’ traz no papel principal a atriz Regina Casé, que está perfeita na pele da empregada doméstica Val, contribuindo para o retrato mais próximo da realidade, embora sua personagem seja criada com certa leveza e trejeitos cômicos, ela não deixa de passar o que acontece no universo entre a sala de jantar e a cozinha. Em contra ponto, sua filha Jéssica, vivida pela também excelente, porém não tão conhecida, Camila Márdila, uma jovem de 17 anos que chega do interior de Pernambuco, para realizar o vestibular e fazer a revolução no convívio entre patrões e empregada.  

[RESENHA]"Apenas um Ano" de Gayle Forman | Por Eleni Rosa


Sinopse: Em Apenas um Dia, os momentos de paixão entre Allyson e Willem foram interrompidos de maneira abrupta, lançando a jovem em um abismo de questionamentos e dor. Agora a história é contada pela voz de Willem. Sem saber exatamente o que o atraiu na garota de olhos grandes e jeito comportado, o rapaz inicia uma busca obsessiva por pistas que levem até a sua Lulu mesmo sem saber sequer o seu nome verdadeiro. Enquanto tenta compreender o mistério que os separou, Willem se esforça para costurar relacionamentos desgastados e procura respostas para o futuro. Mais do que uma aventura de verão, o encontro em Paris significou para ele o início da vida adulta. Da mesma autora dos best-sellers Se Eu Ficar e Para Onde Ela Foi. Apenas um Ano reúne todos os ingredientes de um romance imperdível: viagens, saudade, encontros, desencontros e amor.

Título: "Apenas Um Ano" | Editora: Universo dos Livros| Gênero: Literatura Americana, Literatura Erótica| Ano: 2015| 

Por Eleni Rosa

Sabe aqueles avisos: ‘Fumar é prejudicial à saúde’, ‘Use o cinto de segurança’, ‘Perigo, cerca elétrica’. Pois é, para a leitura de ‘Apenas um Ano’ segue o meu aviso: ‘Para evitar ansiedade esse livro deverá ser lido, essencialmente, após a leitura de ‘Apenas um Dia’.

‘Apenas um Ano’ traz a história de Willem que tenta reencontrar ‘Lulu’, a garota que conheceu em Paris e abalou suas convicções de namorador inveterado mais do que ele imaginava, mas, infelizmente, este jovem não sabe seu nome, telefone ou endereço, apenas o apelido: ‘Lulu’.

O livro começa com o personagem internado em um hospital parisiense, depois de sofrer algumas lesões devido a uma briga ou um acidente, afinal ele tem dificuldades para se lembrar o que verdadeiramente aconteceu, mas tem a certeza de que, alguém, em algum lugar, o espera e que ele precisa encontrar essa pessoa urgentemente.  

[AILNEWS]"Confiram lançamento da Editora Valentina: #Obsidiana de Jennifer L. Armentrout"

A Saga lux é um fenômeno. Traduzida para mais de 10 países, conquistou
milhões de leitores ao redor do mundo. Antes mesmo de ser publicada no Brasil, a
fanpage Saga Lux Brasil já tem milhares de curtidores.

Ele tem uma beleza de outro planeta.
Ela é apenas mais uma garota.
Ele é arrogante e insuportável.
Ela não leva desaforo pra casa.
Quando estão juntos, querem se matar.
Mas, separados, seus inimigos
podem destruí-los.
Será possível esse caso dar certo?
Amazon
Cultura
Saraiva
Submarino
Faça como milhões de pessoas e deixe-se
apaixonar por essa série de outro mundo!

[RESENHA]"Estranho Irresistível - Livro 2" de Christina Lauren | Por Mac Batista



Sinopse: Um charmoso playboy britânico. Uma garota determinada a finalmente viver. E uma ligação secreta revelada em cores quentes... Após ser traída, Sara Dillon se muda para Nova York em busca de agitação e paixão sem compromisso. É assim que ela encontra um sexy e irresistível britânico dançando em uma boate que não deveria significar nada além de uma noite de diversão. Mas a maneira – e a velocidade – com a qual ele acaba com suas inibições está prestes a transformar essa relação em algo arrebatador. A cidade inteira sabe que Max Stella ama as mulheres. Isso não significa que ele tenha encontrado uma que realmente desejasse manter por perto. Apesar de trair muito com seu charme de bad boy da Wall Street, é só quando Sara aparece em sua vida que ele começa a se perguntar se existe alguém para estabelecer uma relação fora da cama.

Título: "Estranho Irresistível" | Editora: Universo dos Livros|Gênero: Literatura Americana, Literatura Erótica| Ano: 2013|Nº Páginas: 286 | Adquira um exemplar, aqui. | Leia o livro aqui.


Por Mac Batista



Em "Estranho Irresistível" Sara Dillon, amiga de Chloe Mills - após descobrir que foi traída por vários anos pelo noivo - resolve dar uma guinada em sua vida, aceitando a proposta de emprego no novo escritório da Ryan Media Group, em Nova York. Ao tomar esta decisão, ela deixa tudo de ruim e desagradável em Chicago, inclusive o noivo infiel, e vai em busca de uma nova vida. E mesmo com as inseguranças que a péssima experiência com Andy gerou pra ela, Sara está disposta a vivenciar novas aventuras, sem nenhum envolvimento emocional de preferência.


Ele estava bebericando seus três dedos de uísque com um amigo – e, vendo como pouco se surpreendeu por ser flagrado me olhando, entendi que vinha observando a noite toda cada movimento que eu fazia. O efeito dessa percepção foi mais potente que o álcool. Aqueceu cada centímetro da minha pele, queimou o meu peito e continuou descendo: o calor passou pelas minhas costelas e se concentrou na minha barriga. Ele levantou o copo oferendo um brinde, tomou um gole e sorriu. Senti meus olhos se fecharem lentamente. Eu queria dançar para ele.

E é com este intuito que  ela conhece Max Stella, amigo de Bennett, em uma noite em que ela resolve comemorar sua nova fase de vida e o noivado de Chloe e Bennett numa boate. A química entre eles é imediata, um flerte aqui, alguns beijos e abraços ali e o inevitável acontece. Mesmo sem saber a identidade um do outro, eles vivenciam uma noite memorável. E quando tudo termina,  Sara percebe que conseguiu dar o último passo que precisava para a "nova Sara". O que nem Max e Sara poderiam imaginar é que eles possuíam inúmeras coisas em comum, inclusive a amizade de Bennett e Chloe.

Max é um homem bem-sucedido e quase uma celebridade na cidade de Nova York. E ele logo de cara sente uma forte atração por Sara. E ambos acordam se encontrarem uma vez por semana para "expandirem os horizontes". No entanto, conforme a história vai avançando, o leitor percebe que Max não faz apenas a "linha conquistador". Ele tem o seu lado romântico, gosta de surpreender Sara com novas ideias sobre seus encontros a todo momento, é compreensivo. E é Max que sustenta, emocionalmente falando, o que existe entre eles no eixo até que Sara consiga se recuperar  dos estragos que Andy fez na vida dela. Além de ser lindo e sócio de Will Sumner, o protagonista do quinto livro da série, "Playboy Irresistível", Max é um cara legal... definitivamente.

Como é de costume nos livros desta série, a narrativa vai se alternando entre Max e Sara, assim o leitor pode saber exatamente o ponto de vista de cada um. E, assim, uma são apresentadas cenas ricas em detalhes... picantes! Sem contar, que Bennett e Chloe também dão o ar da graça nesta história, mesmo sendo apenas para decidir uma situação aqui e ali, o que torna a história bem hilária.

O romance é muito bem elaborado e escrito e contém mais cenas picantes, ricamente detalhadas, que são melhores - neste contexto - do que as do primeiro livro "Cretino Irresistível", o quê me surpreendeu bastante! Digo isso, porque Sara e Max tem um gosto bastante peculiar: são exibicionistas. Sara até mais do Max. Eles se encontram em lugares onde qualquer um pode vê-los. Então, é óbvio que rola situações em que eles se divertem em uma cobertura de hotel, dentro de um táxi, em uma boate, em um clube onde as pessoas suprem seus desejos mais exóticos, além de registrarem - através de fotos  eróticas  - seus momentos íntimos dentre outras coisas. 


Ele tirou a gravata e a deixou cair, com os olhos cada vez mais sombrios. Em seguida, começou a abrir os botões da camisa. Clique. – Um aviso – murmurei por trás da câmera enquanto ele abria a camisa. – Eu provavelmente vou precisar lamber cada centímetro do seu peito hoje. Um sorriso surgiu no canto de sua boca. Clique. – Por mim tudo bem. Mas talvez eu insista para que você desça um pouco mais. Tirei uma foto de sua mão sobre o cinto, de suas calças no chão e de seus pés, ao ficarem bem na minha frente. – O que você acha que está fazendo? – ele perguntou, tirando a câmera das minhas mãos. – Tirando fotos para o meu quarto. Ele riu e balançou a cabeça. – Já para a cama, flor. Aparentemente você precisa se lembrar de como isto funciona.

E tudo isso é mantido no absoluto sigilo, pois Sara não quer que ninguém descubra que está saindo com Max. A princípio ele topa, achando divertido esta aventura, mas conforme o tempo vai passando, Max percebe que está se enredando por uma caminho sem volta e o isso deixa totalmente confuso. Ele sabe que não pode ter nenhuma expectativa a respeito de uma mulher que não quer nada além de algumas horas de aventuras. Que faz questão de não ser vista ao lado dele por ele ser uma pessoa pública, assim como era o seu ex-noivo, e viver nas colunas de fofoca dos jornais e revistas mais famosos de Nova York.

Por outro lado, percebe-se o dilema de Sara que não consegue se entregar ou confiar totalmente em Max. Tendo  o fantasma do ex-noivo, as dolorosas lembranças da traição e o desafio de ser essa nova Sara que até antes de conhecer Max ela não sabia que era possível ser. O que é bem compreensível, afinal todos que já foram traídos um dia (ou tiveram uma decepção amoroso muito grande) tem dificuldade para voltar a confiar novamente. E quando isso acontece não é da noite para o dia. 

E é essa a trajetória que Sara faz durante a história. Aos poucos ela vai amadurecendo como pessoa, mulher, se redescobrindo e se reinventando e o resultado é a apimentada convivência com Max. Sem que ela perceba, Max acaba sendo um fator positivo na vida dela. Ele a faz perceber que ela pode ser, sim, uma mulher bonita, desejável, ousada, sexy, capaz de enlouquecer um homem da forma mais simples possível, realizar suas fantasias sexuais e, ainda  assim, ser amada.


Subi na cama, sentindo os lençóis frios e o colchão afundando com meu peso. Ele estendeu um braço, ajustou minhas pernas e me estudou. Clique. – Olhe para mim – ele murmurou. A luz do horizonte de Manhattan banhava meu corpo, iluminando uma faixa de pele em meu peito. Seu dedo percorreu minha coxa quando olhei em seu rosto, que estava parcialmente coberto pela câmera. Clique. Suspirei, fechando os olhos e sorrindo. Nova vida. Novo amor. Nova Sara.

Christina Lauren mais uma vez está de parabéns não somente pela história em si, mas por conseguir abordar tantos temas em um único romance erótico, não deixando de fora a atmosfera romântica, o que tornou toda a narrativa fluída e leve de se ler. Portanto, para quem curte o gênero este é mais um livro que indico. É óbvio que não consegue superar o "Cretino", mas "Estranho Irresistível" com certeza é uma boa distração para quem anda um pouco entediada(o)!rss


Bjins e inté!

O post [RESENHA]"Estranho Irresistível" de Christina Lauren | Por Mac Batistaapareceu primeiro em  APENAS Impressões Literárias .

[RESENHA]"Cinco Dias" de Julie Lawson Timmer | Por Mac Batista

Sinopse: Mara Nichols é uma advogada bem-sucedida, esposa e mãe dedicada. Ela está doente. Uma doença devastadora. Ela precisa colocar um fim ao sofrimento dos últimos tempos. Scott Coffman é um professor do ensino fundamental que precisa cuidar de um garoto de oito anos enquanto a mãe do menino cumpre pena na prisão. Mara e Scott têm apenas cinco dias para dizer adeus àqueles que amam. Essa talvez seja a maior prova de amor que poderiam dar a essas pessoas.

Título: "Cinco Dias" | Editora: Novo Conceito| Ano: 2015 | Adquira um exemplar, aqui. | Leia um trecho do livro, aqui.


Por Mac Batista

Em "Cinco Dias", o leitor é apresentado as histórias de vida de Mara e Scott. Eles estão se despedindo da vida que estão acostumados a ter e é da forma mais dolorosa possível. 

Scott tem a difícil tarefa de abrir mão de um garoto que, até então, tinha a guarda temporária. Como acontece na maioria das vezes, Scott se afeiçoou ao menino e o vínculo estabelecido entre eles se tornou tão profundo que agora, na eminente despedida, ele se vê totalmente perdido sem a possível companhia da criança que aprendeu a amar como um filho. E essa dor e angústia se torna maior ao saber que a vida do menino, ao lado da mãe (ex-presidiária), seria bombardeada por sucessivos fracassos, pobreza, exemplos de má conduta etc.

[RESENHA]"Zac & Mia" de A.J. Betts | Por Karita Kinnups

Sinopse: A última pessoa que Zac esperava encontrar em seu quarto de hospital era uma garota como Mia - bonita, irritante, mal-humorada e com um gosto musical duvidoso. No mundo real, ele nunca poderia ser amigo de uma pessoa como ela. Mas no hospital as regras são diferentes. Uma batida na parede do seu quarto se transforma em uma amizade surpreendente. Será que Mia precisa de Zac? Será que Zac precisa de Mia? Será que eles precisam tanto um do outro? Contada sob a perspectiva de ambos, Zac e Mia é a história tocante de dois adolescentes comuns em circunstâncias inesperadas.

Título: "Zac & Mia" | Editora: Novo Conceito| Ano: 2015 | Adquira um exemplar, aqui. | Leia um trecho do livro, aqui.



 
Por Karita Kinnups

O livro tem uma leitura rápida, leve e divertida mesmo a história se tratando de seus personagens, vítimas de câncer.
Zac é um garoto de 17 anos e diagnosticado com leucemia, já está internado há bastante tempo para recuperar do transplante de medula e falta pouco para ele ir para casa. Tendo como companheiros os funcionários do hospital e sua mãe. Ele não ver a hora de voltar para sua casa e cuidar dos bichos de sua fazenda. Apesar de seu tratamento contra a leucemia, Zac é bastante otimista em relação a vida, o que surpreende a todos a sua volta.
Mia é umas das garotas populares da escola. Ela é linda, fútil e muito rebelde. Mia teve osteosarcoma (câncer no osso de uma de suas pernas), mas está curada, devido sua teimosia por demorar a procurar um médico teve sua perna amputada e anda com ajuda de muletas e prótese. Mia não aceita o fato de ter que ficar internada e,menos ainda, de  ter tido câncer e está sofrendo com suas sequelas: perder parte da perna e ficar careca.

[AILNEWS]"Confiram os lançamentos do Grupo Editorial Autêntica"

Olá, tudo bom?

Hoje trazemos para você, os lançamentos do Grupo Editorial Autêntica. Tem livro para todos os gostos, confiram:

A retomada da União De: Bárbara Morais

R$ 37,90
320 Páginas
ISBN 9788582353134
Formato: 14 x 21 cm
Leia mais

  Partiu vida nova De: Leila Rego

R$ 39,90
304 Páginas
ISBN 9788582353158
Formato: 16 x 23 cm
Leia mais

  Tudo que se perde, tudo que se ganha De: Clarissa Corrêa

R$ 34,90
192 Páginas
ISBN 9788582353165 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...