[RESENHA] "Fênix - A Ilha de Jonh Dixon, Por Karita Kinnups"



Sinopse: Sem telefone. Sem sms. Sem e-mail. Sem TV. Sem internet. Sem saída. Bem-vindo a Fênix: A Ilha. Na teoria, ela é um campo de treinamento para adolescentes problemáticos. Porém, os segredos da ilha e sua floresta são tão vastos quanto mortais. Carl Freeman sempre defendeu os excluídos e sempre enfrentou, com boa vontade, os valentões. Mas o que acontece quando você é o excluído e o poder está com aqueles que são perversos?


Resenha: A trama se inicia com o julgamento do jovem Carl Freeman, um campeão de boxe que sempre arruma confusões e o mais engraçado é que essas brigas nunca são por causa dele ou porque ele fez algo com alguém e sim por não conseguir ver uma pessoa indefesa ser alvo de garotos valentões que humilham e amedrontam os menos favorecidos.  

Nos últimos 4 anos ele passou por 18 lugares diferentes (lares adotivos, abrigos e casas de detenções) por conta dessas confusões e segundo o juiz, Carl possui uma das fichas mais extensas por brigas  que ele já viu para um adolescente que mal acabou de fazer 16 anos.

A sentença foi à ida dele para Ilha Fênix, um campo de treinamento militar para jovens problemáticos que o governo não sabe mais o que fazer com eles, com duração até o seu décimo oitavo aniversário.  Um lugar desconhecido fora dos Estados Unidos, rodeado de água, animais selvagens e plantas venenosas. 

Na Ilha, os jovens recebem constantes humilhações e castigos físicos por parte do instrutor Parker. Carl com seu jeito protetor sempre vai se meter em confusões para defender os menos favorecidos, pois são os quem mais sofrem nas mãos de outros jovens brigões que querem marcar território. 

Parker apelida Carl de Hollywood por achar que ele é um “indivíduo”, uma pessoa que quer aparecer. Com isso, Parker faz de tudo para que Carl seja sempre castigado e odiado pelos seus colegas, o quê o faz passar por muitos momentos de tensão, aventura, sofrimento e descobertas. E, em meio  isto, Carl conhecerá seu anjo protetor ou seria seu demônio... seu maior pesadelo?

Nunca li um livro em que o personagem apanhava tanto e sofria constantes castigos físicos e mentais. Foi uma leitura prazerosa com muitas expectativas misturada com ansiedade e nervosismo. Apeguei-me ao pobre Carl e sua luta para sobreviver e sair da ilha. No entanto, "Fênix - A Ilha" é um livro recomendado para aqueles que curtem este tipo de gênero.

Até a próxima, Karita Kinnups 


Sobre o autor:  
Romance de estreia de John Dixon, Fênix – A Ilha deu inspiração par à criação da série de TV CBS Intelligence.  

Ele foi boxeador, professor e pedreiro, John agora escreve em tempo integral e serve como um consultor para ABC Studios.
 

0 comentários :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...