[AILNEWS] Rocco lança livro de contos sobre Quatro de “Divergente”

A editora Rocco anunciou na Bienal do Livro SP que o livro que reúne quatro contos com novas histórias da série Divergente, narradas sob o ponto de vista de Quatro, será publicado em outubro pelo selo Rocco Jovens Leitores. A coletânea Quatro: histórias da série Divergente, escrito pela Veronica Roth, ainda traz mais três cenas exclusivas.

Os contos são: A TransferênciaA IniciaçãoO filho e O traidor, sendo que os três primeiros mostram o processo de fortalecimento do personagem antes de seu encontro com Tris, revelando como foi a sua transferência da Abnegação para a Audácia. Já na última história, os leitores poderão conhecer os sentimentos de Quatro após conhecer a jovem iniciando da Audácia. A Transferência já foi publicada no Brasil  no formato digital.


A Saga Divergente: Insurgente, adaptação do segundo volume da trilogia Divergente, chegará aos cinemas nacionais no próximo ano, dia 19 de março. O primeiro trailer da adaptação será exibido nas sessões de exibição de A Esperança — Parte 1.

Confira a capa:

[AILNEWS] "Kiera Cass leva mais de 2 mil pessoas à Bienal do Livro de SP"

Autora da série 'A seleção' participou de bate-papo e sessão de autógrafos. Jovens foram maioria do público no primeiro sábado do evento.

Kiera Cass dá autógrafos aos fãs durante a 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo (Foto: Leonardo Benassatto/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Kiera Cass dá autógrafos aos fãs durante a 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

 A escritora de 33 anos publicou em 2012 seu primeiro livro, “A seleção”, que entrou para a lista de best sellers infantis do jornal “The New York Times”. Na sequência, ela lançou “A elite” (2013) e “A escolha” (2014). No Brasil, a Companhia das Letras lançou também este ano “Contos da seleção”.


Moradora da Virgínia, Cass ficou "profundamente abalada após o massacre na universidade Virginia Tech, em 2007, que resultou em 33 mortes (incluindo a do atirador) e 21 feridos". A partir dali, passou "a escrever como uma forma de extravasar emoções, em uma espécie de 'terapia literária'", segundo o texto de apresentação de sua editora.


Fãs de Kiera Cass participam de evento com a escritora na 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo (Foto: Leonardo Benassatto/Futura Press/Estadão Conteúdo)
Fãs de Kiera Cass participam de evento com a escritora na 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

 
Suas histórias “se passam numa realidade futura e num país inexistente (Iléa), mas reúnem os ingredientes clássicos de uma boa trama romântica: amores, príncipes e princesas, diferenças sociais atrapalhando os sonhos das pessoas".

 FONTE:G1.COM

[AILNEWS]"Liberada capa nacional de Star Wars: O Código do Caçador de Recompensa "

Olá! Como vai o dia? A Bertrand Brasil liberou a capa da versão nacional do guia "Star Wars: O Código do Caçador de Recompensa" do autor Daniel Wallace. Seguindo os lançamentos dos guias O Caminho Jedi e Livro dos Sith a editora lança em dezembro próximo o livro organizado por Boba Fett. Para fãs como eu os guias são ótimas aquisições que complementam tudo o que saí por aqui de Star Wars. O livro já está no Skoob e assim que sair a pré-venda eu aviso nas redes sociais. Confira a capa nacional:

Star Wars: O Código do Caçador de Recompensa
Star Wars: O Código do Caçador de Recompensa, de Daniel Wallace, 160 páginas.
O livro, organizado por Boba Fett, o lendário caçador de recompensa, funciona como um guia a respeito das ferramentas e das técnicas essenciais a todos os caçadores de recompensa. O leitor obterá os conceitos básicos sobre como ganhar a vida à margem da lei galáctica. A obra segue o mesmo estilo dos títulos anteriores da série: O caminho Jedi e Livro dos Sith.

[AILNEWS] "Record divulga os lançamentos de Setembro/14"

Olá! Como vai o dia? Em mais uma edição da coluna de lançamentos hoje trago para vocês os próximos lançamentos da Record, que traz continuação de série famosa, chick-lit do pseudônimo da bestseller Sophie Kinsella, nova série policial, thrillers, históricos, nacionais e mais. Os livros já estão todos no Skoob e a maioria você já encontra em pré-venda. Além disso quem está em São Paulo já pode comprar os livros na Bienal. Vamos aos lançamentos:

Encontros no Parque, de Hilary Boyd, 336 páginas. Tradução: Eliane Fraga.
Em mais de trinta anos de casada, Jeanie sempre foi uma esposa amorosa e mãe dedicada. E agora é avó –  com muito orgulho. Ela se considera feliz, apesar de George, o marido, ter passado a dormir em outro quarto há vários anos, sem lhe dar qualquer explicação.  Certo dia, enquanto leva a neta para passear no parque, Jeanie conhece Ray, que está ali também na companhia do neto. Ray parece ser tudo o que George não é: compreensivo, bom ouvinte, alguém com quem ela consegue se abrir e sexy. De repente, Jeanie se sente atraente de novo e, sem querer, apaixona-se perdidamente. Ela sabe muito bem que sua nova paixão ameaça tudo o que construiu ao longo dos anos, mas sente que vai ser difícil abrir mão dela. Será que Jeanie teria a coragem necessária para mergulhar no turbilhão de um novo romance e de uma paixão avassaladora a essa altura da vida?
Drinques Para Três, de Madeleine Wickham, 352 páginas. Tradução: Alice França.
Inteligentes e bem-sucedidas, todas trabalham para a mesma revista em Londres e, uma vez por mês, se encontram em um bar para colocar o papo em dia. Mas, apesar de saber que podem contar uma com a outra, preferem guardar certos segredos a sete chaves. A bela Roxanne há anos mantém um relacionamento com um homem casado; a competente Maggie de repente se vê prestes a assumir uma função para a qual não se julga preparada; e a doce Candice, da noite para o dia, resolve que precisa prestar contas com o passado. Só que o que Candice não imagina é que essa resolução vai dar início a uma série de acontecimentos que poderão abalar para sempre a amizade das três.

O Legado, de Katherine Webb, 406 páginas. Tradução: Marilene Tombini.
Após a morte da avó, Erica Calcott e a irmã Beth retornam à sua casa no sudoeste da Inglaterra, uma propriedade imponente onde as duas passavam as férias de verão na infância. Quando Erica começa a mexer nas coisas da avó, é tomada por lembranças do passado e de seu primo Henry, que desapareceu misteriosamente quando criança. Intrigada, ela resolve tentar descobrir o que aconteceu com o primo. Aos poucos, à medida que Erica vasculha os registros fotográficos da avó, um segredo de família vem à tona: algo que tem sua origem no século passado e na história de uma bela herdeira da alta sociedade norte-americana, numa terra selvagem e assombrada. Quando passado e presente são colocados frente a frente, Erica e Beth são obrigadas a enfrentar a realidade de duas traições terríveis e a lidar com o legado desolador que ficou para trás.
Os Diários Secretos de Charlotte Brontë, de Syrie James, 528 páginas. Tradução: Flávia Neves.
Levando uma vida reclusa no interior da Inglaterra com as irmãs Emily e Anne, o irmão viciado em drogas e um pai excêntrico à beira da cegueira, Charlotte Brontë sonha com uma história de amor tão ardente quanto as que cria na ficção. Mesmo sendo uma pessoa pobre, comum e sem amigos influentes, o lado impetuoso de Charlotte Brontë foi revelado nos livros que escreveu, como o famoso Jane Eyre, mas é nas páginas de seu diário que ela expõe seus sentimentos e desejos mais profundos. E também a verdade sobre sua vida, seus triunfos e decepções, a família, a inspiração para toda a sua obra, a paixão secreta e escandalosa por um homem que nunca poderia ser seu e o relacionamento intenso e dramático com o homem que aprendeu a amar: o enigmático Bell Nicholls.

A Vingança da Amante, de Tamar Cohen, 336 páginas. Tradução: Juliana Romeiro.
Sally e Clive viviam uma grande paixão proibida. Por cinco anos, Sally orquestrou sua rotina de jornalista freelancer e mãe de dois filhos para conciliar suas obrigações com os encontros tórridos e casuais com Clive. Daniel, seu marido, nunca desconfiou que a mulher tivesse um caso com um amigo da família. Um dia, sem mais nem menos, o amante resolve pôr um fim ao relacionamento extraconjugal na tentativa de salvar o casamento de mais de vinte anos, mas Sally não aceita o término. Ela fica obcecada pelo amante e não tem ideia de que essa obsessão pode levá-la a um caminho sem volta. A vingança da amante expõe os efeitos colaterais de um caso amoroso de forma perturbadora.
A Rebelde, de Valeria Montaldi, 391 páginas. Tradução: Joana Melo.
Em 1254, numa época em que as mulheres têm como destino apenas o casamento ou a vida religiosa, Caterina de Colleaperto ousa se dedicar totalmente ao estudo da arte médica. Seu empenho e sua competência levam-na a trabalhar no hospital mais importante de Paris, o Hôtel-Dieu. Aos poucos se destaca em sua carreira, mas seu espírito livre, forte e decidido torna-se alvo das intrigas de uma instituição exclusivamente masculina. Por isso, quando um crime ameaça manchar o bom nome do hospital, todas as acusações são lançadas contra ela. Para se esquivar das denúncias, Caterina é obrigada a uma fuga precipitada para Milão, sua terra natal. Ao chegar, encontra uma cidade onde a fome e as doenças exterminam os mais necessitados. Mais uma vez a injustiça parece dominar, mas Caterina está determinada a ajudar o próximo e retomar o controle da própria vida.

Herança de Sangue, de Mark Billingham, 392 páginas. Tradução: Mauro Pinheiro.
Enquanto cumpria pena por ter matado sete mulheres, o assassino em série Raymond Garvey foi diagnosticado com um tumor cerebral e morreu na prisão. Quinze anos depois de ele ter aterrorizado a Inglaterra com seus crimes bárbaros, os filhos de suas vítimas começam a ser assassinados. As mortes estão conectadas por uma pista: uma série de fragmentos de radiografia ensanguentados, encontrados na palma da mão de cada um dos cadáveres. O inspetor Tom Thorne precisa agir rápido e proteger os que ainda estão na lista do criminoso, mas nada e ninguém são o que parecem ser. Não quando se está lidando com um dos assassinos mais desequilibrados que já existiu.
Tutancâmon, de Nick Drake, 364 páginas. Tradução: Ricardo Silveira.
Com apenas 18 anos, o jovem rei Tutancâmon está disposto a pôr um fim à instabilidade política do Egito. Ao lado da esposa, a rainha Ankhesenamon, ele é o herdeiro de um império que deveria estar no auge de seu poder e glória, mas sofre com guerras e conspirações internas. Porém, o plano de reafirmar a autoridade de sua dinastia fica seriamente ameaçado quando “presentes” bizarros começam a aparecer no Palácio Real. Agravando ainda mais a crise, vários corpos brutalmente mutilados são encontrados nos arredores da cidade de Tebas. Para investigar esses estranhos eventos, o experiente detetive Rahotep é convocado pela rainha. Mas, quando as conexões entre os crimes o levam a descobrir segredos no obscuro coração do poder, a vida de Rahotep e de todos a quem ama serão colocadas em grande risco.

O Último Filho, de John Hart, 476 páginas. Tradução: Francisco Innocêncio.
Um ano após o desaparecimento de sua irmã gêmea Alyssa, Johnny Merrimon, de 13 anos, ainda acredita que ela esteja viva. O problema é que ele parece ser o único a acreditar nisso. O pai, sentindo-se culpado pelo que aconteceu, abandona a família, enquanto a mãe do menino cai numa depressão profunda que piora ainda mais quando ela passa a usar drogas. O detetive Hunt, responsável pelo caso, assiste a tudo de longe, preocupado e sentindo-se impotente. Mas Johnny está certo de que a irmã ainda vive e fará de tudo para encontrá-la, nem que para isso tenha de procurar em cada rua e vasculhar cada casa suspeita. Quando uma segunda menina é raptada e um homem à beira da morte afirma ter encontrado novas pistas, que Johnny acredita estarem relacionadas à irmã, o inesperado pode acontecer.
Em Nome do Mal, de James Oswald, 336 páginas. Tradução: Marilene Tombini.
A violência paira sobre Edimburgo. O corpo mutilado de uma jovem, vítima de um ritual macabro ocorrido há sessenta anos, repousa no porão de uma mansão. Os braços abertos, as mãos pregadas no piso de madeira, os órgãos removidos e dispostos em seis recipientes de vidro em torno da vítima. Além disso, uma proeminente figura local é brutalmente assassinada, um imigrante ilegal corta a própria garganta em um bar no centro da cidade, uma mulher se joga na linha do trem e outras quatro pessoas são mortas de forma violenta. O inspetor Anthony McLean tem certeza de que há uma ligação entre os assassinatos, os suicídios e o ritual no porão, mas não consegue encontrar uma explicação racional para os fatos. Na medida em que as coincidências aumentam, ele é forçado a considerar uma explicação sobrenatural. Poderia existir algo diabólico rondando a cidade que ele jurou proteger? Se sim, como detê-lo? As respostas que McLean procura logo farão com que se depare com a própria essência do mal.

Todas As Cores da Escuridão, de Peter Robinson, 378 páginas. Tradução: Carlos e Anna Duarte.
Enquanto corriam por um bosque, quatro garotos foram surpreendidos pela terrível descoberta de um corpo suspenso, no galho de uma árvore. Trata-se de Mark Hardcastle, um bem-sucedido cenógrafo e figurinista. O caso fica com a detetive Annie Cabbot, que não consegue entender por que um cenógrafo tão bem-sucedido como Mark, cuja última produção, Otelo, foi tão elogiada, se mataria. Seria mesmo um suicídio? Pouco depois, o corpo de Laurence, o companheiro de Mark, também é encontrado, revelando um crime com requintes de crueldade. Diante dessas circunstâncias Annie tem que interromper as férias do inspetor-chefe Alan Banks e chamá-lo para ajudar a resolver o caso. E quanto mais ele investiga, mais se vê preso em um mundo de sombras onde nada é o que parece. Motivado a descobrir a veracidade dos fatos, desafia autoridades, coloca a própria vida e o emprego em risco e se depara com inimigos inimagináveis.
Cura, de Robin Cook, 364 páginas. Tradução: Renato Prelorentzou.
A Dra. Laurie Montgomery-Stapleton, patologista do Instituto Médico-Legal de Nova York, volta da licença-maternidade insegura quanto a suas habilidades como profissional e mãe. Então se depara com um caso de morte natural muito misterioso, a oportunidade perfeita para provar suas competências. O cadáver, um asiático que parece perfeitamente saudável, caiu em plena plataforma do metrô de Nova York, sem nenhum bem ou documento de identificação. Porém, Laurie não imagina que tentar encontrar a causa da morte a coloca numa complexa rede internacional de crimes e atrai o perigo para dentro de sua casa.

O Homem Mais Procurado, de John Le Carré, 364 páginas. Tradução: Marcelo Schild.
Após o 11 de Setembro, Hamburgo tornou-se uma cidade suspeita, depois que alguns dos autores do atentado se mudaram para lá. A fim de evitar novos hóspedes indesejados, impôs aos imigrantes estado de emergência. Um dia, na calada da noite, um jovem checheno faminto entra clandestinamente na cidade. Em uma bolsa pendurada ao pescoço ele carrega uma quantidade expressiva de dinheiro. Trata-se de um muçulmano devoto que afirma chamar-se Issa. Constantemente vigiado, ele mudará a vida de todos com que mantiver contato, principalmente a de Annabel, uma jovem e idealista alemã especializada em direitos humanos, e a de Tommy Brue, um banqueiro influente, que descobre que o banco de sua família mantém uma conta em nome do pai de Issa, um líder militar cruel que acumulou riquezas por meio de práticas desumanas. Motivados por diferentes ideais, Tommy e Annabel acabam se aliando e se unem para defender Issa, acusado de colaborar com o terrorismo. Considerado o melhor romance de John le Carré.
Por Onde Você Anda?, de Mary Higgins Clark, 352 páginas. Tradução: Carlos Alberto Bárbaro.
Mesmo após dez anos, o sumiço de Charles MacKenzie Jr., mais conhecido como Mack, permanece um mistério. Curiosamente, no entanto, ele liga todos os anos para casa, sempre no Dia das Mães, para assegurar à família que está bem. Após um longo período de angústia, sua irmã, Carolyn, resolve descobrir seu paradeiro. Mas na manhã seguinte em que declara para o irmão sua intenção de localizá-lo a qualquer custo, ela recebe uma mensagem rabiscada em uma tira de papel em que Mack a avisa para não procurá-lo. Apesar do misterioso bilhete, Carolyn vai em frente e segue todas as pistas que ele possa ter deixado. Mas, enquanto persegue os rastros do irmão, ela precisa encarar a possibilidade de ele ter se tornado um serial killer e sua apaixonada busca pela verdade a levará a um confronto mortal com alguém muito próximo.

Três Macacos, de Stephen Mendel-Enk, 160 páginas. Tradução: Dina Lund.
O ano é 1987 e o 13º aniversário de Jacob se aproxima. Logo após a comemoração de seu bar mitzvah, seus pais anunciam o divórcio; sua mãe, na verdade, trocou o marido por um goy, fato que choca a pequena congregação judaica a qual pertencem em Gotemburgo, na Suécia. Enquanto os mais velhos alternam entre falar sobre a situação alarmante de Israel, invejar o estilo de vida dos judeus norte-americanos e se preocupar em manter as tradições, Jacob precisa lidar com o árduo processo do amadurecimento.
Uma Ladeira Para Lugar Nenhum, de Marco Carvalho, 160 páginas.
As ladeiras do Morro do Castelo abrigam a paixão proibida entre Padre Ernesto e a mulata Rosário. Enquanto Padre Ernesto luta para manter-se fiel à Igreja, assistimos aos últimos dias do Morro do Castelo, posto abaixo em 1921 e 1922 pelo afã modernizador que expulsaria milhares de moradores do centro do Rio de Janeiro. Marco Carvalho recria as cores, os cheiros e os sons de um Rio perdido e traz de volta personagens que, embora fictícios, representam os homens e as mulheres que viveram nas ladeiras que hoje levam a lugar nenhum.

As Fantasias Eletivas, de Carlos Henrique Schroeder, 111 páginas.
Na turística Balneário Camboriú, Renê, um recepcionista noturno de hotel, tenta reconstruir sua vida e encontra na amizade de Copi, um travesti obcecado por fotografias, uma alternativa para sua vida destruída. Renê lerá o que Copi escreve e será o único que terá acesso a suas fotos de surpreendente beleza. É quando um livro se abre dentro do livro, e tudo se torna um grande ensaio da alma humana. As fantasias eletivas une prosa, poesia e fotografia para refletir sobre a solidão e a criação literária, e mostra como a literatura, a de verdade, é sobretudo feita de sangue.
As Garras do Cisne, de Roberto Lopes, 462 páginas.
Os objetivos dos almirantes do Brasil de constituir uma força naval de valor estratégico, capaz não apenas de proteger o litoral do país, ou defender suas plataformas de petróleo, mas também de garantir aos brasileiros a exploração mineral do leito marinho, em águas internacionais do Atlântico Sul, e de cooperar no combate à pirataria marítima na costa ocidental africana. O texto do experiente jornalista Roberto Lopes – autor de trabalhos reveladores sobre a indústria bélica brasileira e a Guerra das Malvinas – mostra os principais planos do “Cisne Branco” (ave que dá título ao hino da corporação) e também descreve situações constrangedoras pouco divulgadas pela mídia, como o porta-aviões comprado da França que não consegue navegar e a fragata que está sendo “canibalizada” para que outras do mesmo tipo possam operar. Uma reportagem de referência, corajosa, informativa e questionadora.
Não É A Mamãe, de Guilherme Fiuza, 384 páginas.
A história do atual governo contada em crônicas publicadas no jornal O Globo e na revista Época, entre 2010 e 2014, nas quais Guilherme Fiuza repercute e opina sobre a gestão de Dilma Rousseff como presidente da República. Com rara capacidade de observação, humor singular e escrita leve e atraente, o autor reúne textos de cujo conjunto se extrai retrato definitivo – cômico e perplexo – do Brasil em que vivemos.
O Filósofo Peregrino, de Marcos Bulcão, 376 páginas.
Quatro países, 77 cidades, 86 dias e 2.065 quilômetros percorridos a pé. Foi essa a empreitada de Marcos Bulcão na Via Francígena, uma rota de peregrinação europeia até hoje pouco conhecida e explorada. Com uma narrativa saborosa, repleta de curiosidades históricas e culturais, esta obra nos deleita com os relatos de um peregrino interessado em testar seus limites a fim de conhecer o mundo, as pessoas e suas histórias.

[RESENHA]" Caçadores de Tesouros", de James Patterson & Chris Grabenstein

Sinopse: Bick, Beck, Tommy e Tempestade precisam encontrar um navio naufragado cheio de ouro e relíquias valiosas. Mas não é só isso. Eles também têm que encontrar os seus pais, que desapareceram misteriosamente. Os irmãos Kidd precisam ser rápidos. MUITO rápidos. SERÁ QUE VAI DAR TEMPO?

Título: Caçadores de Tesouros
Autores: James Patterson & Chris Grabenstein
Ed. Novo Conceito | Selo #irado | 2014 | Infanto Juvenil
Clique AQUI para comprar.
"Tremendo um pouco, fomos nos aproximando até formarmos um círculo pequeno e nos abraçamos com força. Nós quatro éramos o que havia sobrado da família. Tommy, que havia vivido em barcos mais tempo que qualquer um de nós, começou a murmurar uma velha prece de marinheiro: 'Embora a Morte espere na proa, nós não lhe responderemos agora'. Eu esperava que ele estivesse certo. Mas eu tinha a estranha sensação de que a Morte podia não aceitar um não como resposta"
Tem quem defenda que a literatura infanto-juvenil esteja com os dias contados, que a criatividade se extinguiu, que os livros de hoje em dia são apenas meros pretextos para se criar franquias que desaguem em filmes, animações, games ou seriados de TV, dentre outras previsões pessimistas.

Ninguém pode dizer que estas pessoas estão completamente equivocadas, claro. Mas com um pouquinho de boa vontade, dá pra descobrir bons exemplares de histórias bem contadas para os mais novos como este "Caçadores de Tesouros", de James Patterson e Chris Grabenstein.

O livro tem um delicioso quê aventuresco de Jonny Quest, Os Goonies, Família --Mi misturado com a velocidade de informação dos novos tempos para uma geração que tenta o tempo todo provar que não é necessário se aprofundar num assunto para entender.

É óbvio que o livro tem grande potencial para se transformar numa valiosa série de filmes - uma das possíveis continuações se passaria no Brasil -, a exemplo de tudo hoje em dia. Mas isso não tira, em momento algum, os méritos de personagens bem construídos, cenas hilariantes, vilões reais e com verdadeiro potencial de perigo, além de uma história muito bem escrita e amarrada.
Tudo isso num ritmo alucinante e extremamente viciante!

As características editoriais estão bem cuidadas pois como o livro é narrado por um pré-adolescente e ilustrado por uma das personagens da mesma idade, vemos muitas das cenas por um prisma quase de desenho animado - já assistiu "O Fantástico Mundo de Bob"? -, o que é muito prazeroso, principalmente a quem não está acostumado a ler livros tão extensos...

Capas Internacionais

Contar qualquer detalhe seria estragar a surpresa de qualquer leitor. Então, corra e garanta seu exemplar.

Kal J. Moon viajou de barco uma vez. vomitava cenoura, mesmo sem ter comido uma sequer...

[AILNEWS]"Sexo, violência e crítica social em novo livro de Tico Santa Cruz"







 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Lorena, uma ex-enfermeira viciada no perigo, inicia uma jornada alucinante ao lado de sua nova paixão - um ex-bancário que foge de uma vida monótona e comportada. Ao longo do trajeto, que inclui sexo, violência e crítica social, o casal conhece a piromaníaca Milene, personagem que os levará em direção a um caminho sem volta.

Essa é a sinopse de Pólvora, o novo livro de Tico Santa Cruz que chega às livrarias na segunda quinzena de setembro pela Belas-Letras. Em 2011, Tico Santa Cruz publicou o livro em forma de capítulos em seu blog e se surpreendeu com o envolvimento dos leitores - foram mais de 300 mil visualizações e 100 mil downloads. Depois do sucesso da iniciativa virtual, a Belas-Letras preparou uma edição especial impressa, com ilustrações, revista e editada.


De acordo com Tico, a saga pode ser classificada como "policial, psicótica, suja, politicamente incorreta e sem compromisso algum com qualquer tipo de estética literária". 


Em sua primeira incursão no mundo da ficção, Tico transborda excitação e apresenta um misto de loucura e fantasia urbana por meio de seus personagens, fazendo com que a trama de Lorena deixe um rastro de morte por onde ela passa. O livro ainda é uma crítica contundente e caricata ao sistema político, social e econômico brasileiro.

Pólvora
Tico Santa Cruz
ISBN 9788581741567
Formato: 14x21cm
168 páginas
0,400 Kg
2014
Preço de Capa: R$ 29,90


[AILNEWS]"Divulgado mais pôsteres da adaptação de “Horns”"

A adaptação de Horns, protagonizado por Daniel RadcliffeJuno Temple, acaba de ganhar mais três pôsteres. A direção ficou a cargo de Alexandre Aja e o roteiro assinado por Keith Bunin. O filme tem previsão de estreia nos cinemas americanos para o halloween, 31 de outubro, mas ainda sem data de estreia nacional.

O livro foi escrito por Joe Hill — filho do mestre, Stephen King — e no Brasil foi publicado pela editora Arqueiro no ano de 2010 com o título de O Pacto.

Confira:


]

[RESENHA] "Amigo Secreto" de Sylvia Day por Mac Batista

Sinopse: Em Amigo secreto, a autora narra duas histórias contemporâneas, bem apimentadas e muito românticas que certamente farão as leitoras perderem o fôlego. A primeira, que dá título ao livro, conta a história de Nick e Steph, colegas de trabalho que secretamente sentem uma enorme atração um pelo outro. Isso até o momento que Nick tira Steph no amigo secreto e escolhe um presente claro e direto: uma foto sensual e provocadora que promete esquentar as coisas entre eles. Já a segunda narra o relacionamento difícil e obsessivo de um casal que se vê envolvido na investigação e no roubo de joias de Gideon Cross.

Título: Amigo Secreto
Autora: Sylvia Day
Editora Paralela | 2014 | Literatura Erótica

Clique AQUI para comprar.


Quando Nicholas James pega o nome de Stephanie Martin no amigo secreto de sua empresa ele sabe que está tendo um bom Natal — se ele conseguir descobrir o que dar para a mulher que ele quer há meses. Quando ele trabalha até tarde e encontra um papel amassado com a lista de desejos de Steph, ele sabe que está com sorte. Porque tudo que ela quer esse Natal é ele, em uma série de posições diferentes.

Quando entrei na Livraria Saraiva e vi este livro, o que mais me chamou atenção foi a cor da capa e do título. Achei, a priori, interessante e conferi a sinopse para avaliar se realmente valia a pena adquirir este livro, mesmo sem ter lido nada anteriormente da autora. E, para minha doce surpresa, "Amigo Secreto" me agradou e muito.

Primeiro porque é um livro de contos, com apenas dois contos, consequentemente, com duas histórias bem distintas, no entanto, com o mesmo teor: o mundo erótico. Segundo, apesar de alguma falhas o livro alcança seu objetivo: o entretenimento.

Em "A Lista de Desejos" vemos a história entre Nicholas e Stephanie. Nicholas sempre se sentiu profundamente atraído por Stephanie que - apesar de disfarçar muito bem - correspondia esta atração. Ambos trabalham na mesma empresa e essa atração só vem a tona, quando -em uma festa de amigo oculto - Nick encontra uma lista de desejos eróticos, e - para sua surpresa - ele descobre que o seu nome está em todos itens.  E que sua admiradora secreta nada mais é do que Stephanie Martin!

Nick, então, resolve realizar todos os desejos de Stephanie... para o deleite e desespero inicial dela. "A Lista de Desejos" é um conto bem gostoso de se ler, com palavras picantes, personagens cativantes e um texto despretensioso que tem o intuito único e, exclusivo, de entreter a quem o está lendo. Para quem gosta de uma leitura erótica, rápida e engraçada, este conto é hiper recomendado! Impossível não se encantarem com Nick e Stephanie!


Quando a investigadora Anastasia Miller se dispõe a recuperar os diamantes rosas roubados em um recente assalto, ela se encontra trabalhando com seu ex, o delegado federal Marshal Jake Monroe — o homem que amava o suficiente para deixar.
Em "Sangue e Rosas" nos deparamos com uma história a parte do mundo de "Crossfire" e isso o leitor só descobre quando já está bem envolvido com a história. É um QUASE 'spin-off' da Série Crossfire e como eu não tinha lido nenhum livro da autora anteriormente, não consegui identificar imediatamente os indícios que só foram esclarecidos depois de uma rápida pesquisa sobre a autora e sua biografia. 

Ao contrário da primeira que tem como pano de fundo um sedução literalmente premeditada, em "Sangue e Rosas" nos deparamos com um cenário de romance policial. Nada que se compare aos escrito de Agatha Christie, James Patterson ou Harlan Coben, mas pode ser considerado um thriller erótico. Ou, pelo menos, era para ser assim!

 Tudo começa quando uma das empresas de Gideon Cross é assaltada e Anastacia Miller é contratada para  investigar o crime. Uma mulher que vive divida entre a lei  e a criminalidade. O que ninguém mais sabe é que Anastacia conhece os criminosos e sabe muito bem onde procurá-los, pois eles fazem parte de sua própria família! Além disso, para recuperar o que foi roubado, Anastacia terá que retornar a sua cidade natal e correr o risco de rever um certo homem chamado Jake Monroe, o delegado federal Marshal por quem Anastacia sempre foi apaixonada.

Jake carrega consigo uma mágoa profunda por ter sido abandonado por Anastacia anos atrás, mas nunca deixou de amá-la. Guardou durante anos, o sonho de poder viver ao lado dela e, também, conseguir maiores explicações a respeito dos motivos que levaram Anastacia deixar a cidade onde moravam. E ele vê, no regresso de Ana, a chance que precisa para colocar sua vida no eixo, além de planejar uma "doce vingança".

Bem pelo menos é isso que os leitores imaginam, mas a autora resolve estas questões em poucas linhas, o que deixa um pouco a desejar. Simplesmente porque não dá para engolir a forma como ela conduz a narrativa. Tudo é muito rápido e não dá para assimilarmos direito a história em si. Uma pena. Porque Jake e Ana são personagens interessantes, atraentes e mereciam uma construção mais adequada, mas que fosse fora da atmosfera "conto"!

Este, também, foi o primeiro livro da Editora Paralela que eu li e tenho que confessar que a editora está de parabéns, seja na diagramação, na delicadeza encontrada no formato e páginas do livro. Este ar de "romance de banca" que eu gosto muito, agradou em cheio! Principalmente pelo fato do livro ter 'capa dura' daqueles que só colecionadores fazem questão de adquirir.

Enfim, "Amigo Secreto" é um livro que vale a pena conferir. Ele é tão curtinho que é possível lê-lo em uma tarde! No entanto, o recomendo somente para aqueles que curtem este tipo de leitura.
Por Mac Batista

[AILNEWS]"Intrínseca divulga nova capa inspirada no filme de “Garota exemplar”

A editora Intrínseca divulgou que antes de chegar aos cinemas, Garota exemplar, o livro que consagrou Gillian Flynn como uma das mais aclamadas autoras de suspense da atualidade, retorna às livrarias dia 11 de setembro em edição limitada com capa inspirada no pôster do filme.
A superprodução da Twentieth Century Fox é dirigida por David Fincher, com Ben Affleck e Rosamund Pike no papel do casal protagonista. O roteiro é assinado pela própria Gillian Flynn. O filme estreia nos cinemas brasileiros dia 2 de outubro.
Confira capa  e sinopse:
Na manhã do quinto aniversário de casamento, Amy desaparece da nova casa, às margens do Rio Mississippi. Tudo indica se tratar de um sequestro, e Nick imediatamente chama a polícia, mas logo as suspeitas recaem sobre ele. Exibindo uma estranha calma e contando uma história bem diferente da relatada por Amy em seu diário, Nick parece cada dia mais culpado, embora continue a alegar inocência. À medida que as revelações sobre o caso se desenrolam, porém, fica claro que a verdade não é o forte do casal.

[AILNEWS]"Novidades de mais uma adaptação de Stephen King"

Stephen King possui uma lista grande de adaptações cinematográficas de seus livros e já tem mais um a caminho. Estrelado porJoan Allen e Anthony LaPaglia, o filme foi intitulado A Good Marriage  e será lançado nos Estados Unidos em 3 de outubro. Ele é baseado num conto do livro Full Dark, No Stars, de Stephen King. A Entretainment Weekly divulgou o primeiro pôster oficial da adaptação, veja!
A trama gira em torno da ideia de como você nunca poderá realmente conhecer alguém de verdade, mesmo que tenha sido casada com ela por mais de 20 anos. Confira o trailer abaixo!

A editora Suma de Letras, que publicou diversos livros do autor aqui no Brasil, se pronunciou dizendo que trará Full Dark, No Stars em abril do próximo ano. O livro é uma coletânea de contos, sendo eles: 1922, Big Driver, Fair Extension e A Good Marriage(que será adaptado). Abaixo a capa e sinopse (tradução livre)! 

 Uma nova coleção de quatro histórias de Stephen King que nunca publicadas antes.

1922
A história abre com a confissão de Wilfred James de ser o assassino da sua mulher, Arlette, depois da sua mudança para  Hemingford, Nebraska na terra que o pai de Arlette deixou para ela.

Big Driver  
A escritora de mistério, Tess, tem suplementado o seu salário de escritora por anos fazendo palestra sobre  noivados com nenhum problema. fazendo palestras, sem problemas. Mas após um convite de última hora para um clube do livro 60 milhas de distância, ela toma um atalho para casa com conseqüências terríveis.
Fair Extension
Harry Streeter, que está com câncer, decide fazer um pacto com o diabo, mas, como sempre, tem um preço a se pagar.

A Good Marriage
Darcy Anderson aprender mais sobre seu marido de 20 anos que ela gostaria de ter gostado de saber quando ela literalmente tropeça em uma caixa embaixo da mesa de trabalho na garagem deles.

[AILNEWS]"Anunciada a data de lançamento do trailer de “Insurgente” e possível quinto filme da série"

Insurgente
Jon Feltheimer, CEO da Lionsgate, confirmou recentemente a data de lançamento do trailer da adaptação “A Série Divergente: Insurgente“, baseado no best-seller distópico de Veronica Roth, e também comentou as possibilidades sobre um quinto filme da saga.

A sequência de Jogos Vorazes (referindo-se a “A Esperança – Parte 1“) será o primeiro filme a receber um vislumbre da aguardada sequência de “Divergente”. O CEO da Lionsgate, Jon Feltheimer, confirmou a informação. Feltheimer anunciou a decisão do estúdio de lançar o primeiro trailer oficial do filme com Shailene Woodley no papel principal “Insurgente” junto com as exibições de “Jogos Vorazes: A Esperança – Parte 1″ em 21 de Novembro durante uma conferência na sexta-feira.

“Todos os sinais estão apontando que Divergente está crescendo e se tornando outra grande franquia infanto-juvenil como Crepúsculo e Jogos Vorazes,” Feltheimer disse aos analistas, “Com o primeiro trailer de Insurgente previsto para ser lançado junto com A Esperança em Novembro, Insurgente é um livro campeão de vendas, um entretenimento estelar, e que contará com as estrelas Shailene Woodley, Theo James e Ansel Elgort no elenco, que geram um alcance bem alto online, eu acho que você pode imaginar porque nós acreditamos que A Série Divergente se tornará especial,” disse Feltheimer.
Não é só pelo trailer que os fãs de Divergente devem esperar, Feltheimer também provocou falando sobre o potencial de um quinto filme baseado no recente lançamento de Veronica Roth: “Quatro: Uma Coleção de Divergente”, “Nós esperamos que dê certo,” Feltheimer disse sobre o potencial de um quinto filme sobre a caminhada que levou o personagem masculino Tobias Eaton à hierarquia da Audácia. A Lionsgate também divulgou que o último livro “Convergente” será dividido em duas partes.
Robert Schwentke foi o escolhido pela Summit Entertainment para substituir Neil Burger na direção. Schwentke tem no currículo “Red: Aposentados e Perigosos” e o recente “R.I.P.D. – Agentes do Além“. Akiva Goldsman roteiriza a sequência.

O filme será lançado no Brasil em 19 de março de 2015, um dia antes da estreia norte-americana.

[AILNEWS]"Lily Collins não sabe se haverá uma sequência para o primeiro filme da franquia “Os Instrumentos Mortais”

Quando perguntada sobre a sequência do primeiro filme da franquia Os Instrumentos Mortais, Lily Collins foi um tanto enigmática e colocou ainda mais dúvidas sobre a real chance da adaptação de Cidade das Cinzas acontecer.



“Essa é a grande questão, mas a verdade é que eu não tenho ideia se haverá uma sequência. Esse negócio opera tão misteriosamente que é difícil predizer o futuro do filme. Há tanta burocracia ao redor, então você precisa ter paciência e aguardar. Eu filmei dois filmes desde então e estou feliz com os projetos.”
Para quem não se recorda, a ideia era estrear o segundo filme pouco tempo depois do primeiro, Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos, e até a adaptação da saga As Peças Infernais foi cogitada e os direitos comprados para tal, entretanto com o pouco rendimento nas bilheterias os planos mudaram e as gravações foram canceladas, porém os produtores confirmaram que haveria um segundo filme assim que uma reestruturação dos planos fosse realizada.

A autora, Cassandra Clare, estará no Brasil para a 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

[AILNEWS]"Novo Conceito divulga nova capa para o new adult de Jasinda Wilder"

Depois de várias reclamações, a editora Novo Conceito decidiu lançar uma nova capa e título para o new adult de Jasinda Wilder, agora o livro é denominado Louco por Você, primeiro da saga Falling,e é um dos lançamentos de setembro da editora.

Confira capa e sinopse:

Nell e Kyle são amigos desde a infância. Sempre fizeram tudo juntos, então ela nem se lembra de quando se tornaram realmente um casal. Quando Kyle morre da forma mais repentina, o mundo de Nell é lançado em um abismo de incertezas e dor. É quando Nell conhece Colton, irmão de Kyle e até então um completo desconhecido para ela. Estranhamente, é como se Colton a conhecesse há muito tempo… é como se ele a conhecesse por dentro. Ambos passam, então, a lutar para seguir em frente da melhor maneira possível. Nell, sufocada pelo peso da culpa.Colton, lutando contra a força que o arrasta em direção a ela… Cada um à sua maneira, os dois precisam desesperadamente encontrar o sentido da cura e do perdão. Em Entre a paixão e a dor, Jasinda Wilder combina o calor do desejo com a angústia, a perda da inocência, o luto e as tentativas de recomeço. O resultado é uma viagem ao mesmo tempo sensual e melancólica que ficará gravada em sua pele muito tempo depois que esta história terminar.

[AILNEWS] "J.K. Rowling publica novo conto envolvendo o mundo de Harry Potter"


Para nossa alegria, J.K. Rowling publicou outro conto no Pottermore envolvendo o mundo de Harry Potter, dessa vez a história é voltada para Celestina, uma bruxa cantora que está fazendo aniversário e já mencionada anteriormente nos livros da saga.

Além de falar um pouco sobre a personagem, Rowling liberou um áudio, “You Stole my Cauldron but You Can’t Have My Heart” (você roubou meu caldeirão, mas não pode ter meu coração, em tradução livre).
O nome de Celestina se deve em razão de uma ex-colega da escritora com quem trabalhou anteriormente.

Confira o conto e música:
Nascimento: 18 de agosto Varinha: Feita de madeira de Larch e penas de Fênix, 10 pés e meio de comprimento, flexível Casa de Hogwarts: Grifinória Habilidades especiais: Habilidade de abafar um coro de Banshees, cozinhar extravagantemente e sapateado. Parentesco: Pai bruxo, mãe trouxa Família: Se casou três vezes; um filho Hobbies: Viajar com estilo fabuloso, cultivar rough-croated Crups, relaxar em qualquer uma de suas oito casas.

A sensação musical internacionalmente aclamada Celestina Warbeck (também conhecida como ‘A Cantora Feiticeira’) vem de Gales. Seu pai, um funcionário menor do Gabinete de Contato dos Trouxas, conheceu sua mãe trouxa (uma atriz falida) quando esta foi atacada por um Lethifold (Mortalha-Viva) disfarçado como uma cortina de palco.

A extraordinária voz de Celestina era evidente desde cedo. Decepcionada ao saber que não havia nada como um palco para apresentações na escola de magia, a senhora Warbeck relutantemente consentiu com a inscrição de sua filha em Hogwarts, mas posteriormente bombardeou a escola com cartas que incitavam a criação de um coral, um clube de teatro e aulas de dança para poder mostrar os talentos da filha.

Aparecendo com frequência em um coro de apoio a Banshees, os concertos de Celestina se tornaram justamente famosos. Três fãs devotados estiveram envolvidos em um desagradável acidente em que três vassouras engavetaram sobre o Liverpool enquanto estes tentavam chegar à última noite dela em sua turnê, “Flighty Aphrodite“. Seus ingressos aparecem frequentemente no mercado negro a preços muito inflacionados (uma das razões pela qual Molly Weasley nunca viu sua cantora favorita ao vivo).

Celestina tem, por vezes, emprestado seu nome e talento para boas causas, como a angariação de fundos ao Hospital St Mungo’s para Doenças e Acidentes Mágicos com a gravação do hino do Puddlemee United “Beat Black Thoses Bludgers, Boys, and Chuck That Quaffle Here“. Mais controversamente, Celestina também usou sua voz em prol de sua discordância contra o Ministério da Magia quando este tentou impor restrições sobre a forma como a comunidade bruxa foi autorizada a comemorar o Halloween.
Algumas das músicas mais conhecidas de Celestina incluem “Heart Right Out of me” e “A Cauldron Full of Hot, Strong Love“. Seus fãs são pessoas geralmente mais velhas, que gostam de seu estilo arrogante e de sua voz poderosa. O álbum “You Stole My Cauldron but You Can’t Have My Heart“, lançado no final do século 20, foi um enorme sucesso mundial.

A vida pessoal de Celestina tem fornecido muita forragem para colunas de fofocas do Profeta Diário. Um casamento precoce com um dançarino de apoio durou apenas um ano; Celestina então se casou com seu empresário, com quem teve um filho, e então o deixou e entrou num relacionamento com o compositor Irving Warble dez anos depois.

Fonte: Saga Brasil

[RESENHA]"Se Eu Ficar" de Gayle Forman, Por Mac Batista

Sinopse: Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. 

Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. 

Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. 

Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.

Leia um trecho, aqui.   Adquira seu exemplar, aqui.

Quando começou a publicidade em torno deste romance, logo percebi que haveriam um quantidade gigantesca de pessoas ansiosas para garantir um exemplar para leitura e depois conferir a adaptação nos cinemas. Ah! sim, para os que ainda não sabem, este romance teve seus direitos vendidos para o cinema e no próximo mês estreará no circuito nacional. No final desta resenha, vocês poderão assistir ao trailer oficial do filme!

Em "Se Eu Ficar" o leitor se depara com a história de Mia, personagem principal e narradora deste romance. Ela é uma jovem que está prestes a se formar no ensino médio e conquistar uma vaga em na renomada Juilliard, devido a sua aptidão com violoncelo. Ao lado de Adam, seu namorado, e sua família, ela não cria muitas expectativas para o futuro, apenas deseja que as coisas continuem normais. O que ela não esperava é que sua vida mudasse completamente de uma hora para outra drasticamente.

Em uma manhã comum de fevereiro, Mia, seus pais e irmão decidem sair para passear e visitar Henry e Willow. Porém, durante o trajeto, o carro onde eles viajavam é atingido por um caminhão. E tudo, então, fica muito confuso. Sons se misturam. A Sonata para violoncelo nº 3 de Beethoven, tocando no rádio. E Mia percebe que algo muito ruim aconteceu a ela e sua família. 

Ela percebe também tem apenas uma escolha, a maior de sua vida. Seu corpo bastante debilitado é levado para o Hospital mais próximo, e após uma cirurgia delicada, Mia ver-se presa a uma cama da UTI. Então, inicia-se uma batalha interior entre o ficar e o partir. Apesar de perceber o quanto é querida pelos seus familiares, pela melhor amiga Kim e, também, pelo seu namorado Adam, o peso que sente ao constatar que nunca mais terá seus pais e irmão por perto é maior.

Mia sabe que sua família não era perfeita, mas muito unida e amorosa. Eles eram tudo o que ela tinha de mais valioso. Conforme a história toma vida, vemos uma Mia divida entre o ficar e o partir. Se ela ficar terá que arcar com as sequelas da grande tragédia que tomou conta da sua vida. Se ela partir perderá tudo ainda que lhe resta: seus avós, Adam e Kim. Mas acontecimentos são determinantes para a escolha final de Mia. E Adam, Kim, vovô e vovó são imprescindíveis em seu posicionamento final. Cada um -a sua maneira - expressa seu amor e carinho por ela, indicando-lhe o caminho  a seguir. No entanto, no fim, ela terá que tomar tal decisão sozinha. E independente de sua escolha, Mia não poderá voltar atrás depois que der o próximo passo.

Bem, mas vamos ao que interessa: a análise crítica do livro. O problema com a história é que ela é superficial demais. O tema explorado é complexo e abrangente e daria muito "pano pra manga" se tivesse sido melhor aproveitado. No entanto, toda história é contada em suas poucas 200 páginas, o que pode decepcionar um pouco aqueles que criaram uma grande expectativa. Este fato também explicar um pouco, mas não justifica, a pouca exploração no desenvolvimento do tema. A constante dialética de Mia consegue tocar os leitores, principalmente, os momentos vividos com seus avós. E, sim, é verossímil, no entanto, superficial. Um fato engraçado é que, enquanto lia, me lembrava de outros livros ou filmes que abordaram o mesmo assunto, como "E Se Fosse Verdade" que foi adaptado para o cinema e o grande sucesso "Ghost - Do Outro Lado da Vida". O segundo filme, dispensa comentários de tão bom!


A diagramação e a capa do livro estão perfeitas. A Editora sempre acerta definitivamente neste quesito! Parabéns, mais uma vez! Enfim, "Se Eu Ficar" é um livro que fala de morte, "quase morte", traumas, escolhas, amor e  esperança. Recomendadíssimo para os adolescentes de plantão. E apesar de algumas falhas em sua construção, acredito que a leitura deste livro seja muito válida.

Como disse no início desta resenha, "Se Eu ficar" ganhou adaptação para os cinema que vai estrear no próxima mês (Setembro), portanto, fiquem ligados. Leiam o livro correndoooo e deem uma conferida no filme! Depois me contem o que acharam, blz?! Ah! E este livro tem continuação que a Editora Novo Conceito adquiriu os direitos de publicação. "Para Onde Ela Foi" será publicado em Outubro deste ano.

Trailer Oficial do filme:

Boa leitura a todos... Bjins e inté, Mac Batista.

[PROMAIL - KIT ENTREGUE]"E o Terceiro kit da PromoAIL foi entregue, confiram!"

Olá Impressinautas!

É isso mesmo... O AIL não brinca em serviço e os nossos seguidores também não! 

A Milena Soares, ganhadora da PromoAIL "Momentos Mortais" recebeu o seu prêmio e nos enviou uma foto,confiram:





Adoramos a foto, Milena! :D Sinta-se à vontade para continuar nos seguindo, comentando nas resenhas, participando das promoções.. blz?!

E aos outros impressionautas que não foram sorteados, desta vez, não se preocupem! O AIL realizará muitos outros sorteios...

E gostaríamos de agradecer a Editora Novo Conceito pela parceria nesta promoção! Que venham outras... Com certeza, serão um sucesso!!!

Fiquem ligados e não deixem de nos acompanhar, ok?!

Equipe AIL

[DIVULGAIL] "Confira os quadrinhos do Snoopy e sua turma!" Editora Nemo





Promoção Snoopy em Quadrinhos 


Cliquem aqui para conferirem esta mega promoção!!!

[PROMAIL - KIT ENTREGUE]"E o Segundo kit da PromoAIL foi entregue, confiram!"

Olá Impressinautas!

É isso mesmo... O AIL não brinca em serviço e os nossos seguidores também não! 

Fabiane Zambelli de Pontes, ganhadora da PromoAIL "Imagine Zumbis na Copa" recebeu o seu prêmio e nos enviou uma foto, nos presenteando com suas belas palavras. Confiram:


"Gostaria de agradecer o A.I.L. - Apenas Impressões Literárias pelo excelente brinde! Já o li e adorei!! Eu sempre acompanho a Giz Editorial e possuo muito amigos escritores/editores ligados à Giz. Foi um imenso prazer receber uma obra deles! (...) Abraços e continuem com o ótimo trabalho!" (Fabiane)

Adoramos a foto, Fabiane! E suas palavras são a prova de que estamos no caminho certo! :D Sinta-se à vontade para continuar nos seguindo, comentando nas resenhas, participando das promoções.. blz?!

E aos outros impressionautas que não foram sorteados, desta vez, não se preocupem! O AIL realizará muitos outros sorteios...

E gostaríamos de agradecer a Giz Editorial, Selo GiBiz pela parceria nesta promoção! Que venham outras... Com certeza, serão um sucesso!!!

Fiquem ligados e não deixem de nos acompanhar, ok?!

Equipe AIL
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...