[OPINAIL #03] Pottermore: Que tal entrar em um livro pra variar?

Quem me conhece sabe que eu gosto muito de literatura fantástica. Gosto tanto deste gênero que a maioria dos livros de minha biblioteca pertence a ele. Porém, mesmo sendo um entusiasta do gênero, o maior fenômeno dos últimos tempos do mesmo demorou um pouco a me pegar. Claro que estou falando da série Harry Potter de J.K. Rowling. 

Fui um pouco resistente no início, principalmente por conta de todo o burburinho e entusiasmo que tomou o mundo a partir do ano 2000 (quando anunciaram a adaptação cinematográfica) até que um belo dia eu encontrei uma cópia do primeiro volume da série em um sebo da minha cidade e, como estava uma pechincha, resolvi comprá-lo. Revelo que o deixei jogado de lado durante um tempo, mas quando comecei a lê-lo, não consegui parar mais. 

Hoje considero Harry Potter e a Pedra Filosofal um dos maiores contos fantásticos de todos os tempos. Pena que seus sucessores não me deixaram com a mesma impressão, apesar de estarem acima da média. Mas não estou aqui hoje pra falar pra vocês sobre estes livros tão reverenciados. Já fizeram isso e sei que seria tal atitude seria intempestiva da minha parte. Venho falar sobre POTTERMORE.

— O que é POTTERMORE, tio?

Bem, Pottermore é uma rede social para fãs da série sobre as aventuras do bruxinho. Tive acesso à versão beta do site há, mais ou menos, um ano atrás e venho acompanhando a evolução do mesmo desde então. Como toda versão beta (versão de teste), o site tinha vários defeitos no início, que vieram sendo reparados com o passar do tempo. 

Hoje, já bem mais funcional, o POTTERMORE (que abriu as portas para novos membros poucos meses atrás) é um local obrigatório para quem gosta de se relacionar com outros fãs da série, além de proporcionar uma interação inédita entre o leitor e o mundo mágico apresentado no livro.

ARE YOU MAGICAL?

 É com a pergunta acima que somos recepcionados assim que acessamos o site e a interação começa no ato da sua inscrição. O site por motivos de segurança não permite que você crie seu nickname, deixa apenas que você escolha entre alguns nicks pré-determinados como por exemplo: Blademagic355, Knightwing800, Owlhazel25, StormMoon500 entre outros. 

Como o objetivo principal do site é que você leia o livro enquanto navega pelos capítulos virtuais, algumas áreas do site ficam restritas e você poderá desbloqueá-las conforme avança na leitura. Por exemplo, no capítulo “O Chapéu Seletor” você deve responder as perguntas do mesmo. Deve respondê-las com sinceridade e assim que o fizer, o chapéu seletor, como no livro, o seleciona para participar de uma das casas de Hogwarts. O mesmo se dá no caso das magias. Você não pode treinar magias, desafiar seus colegas para um combate mágico ou fazer poções enquanto não receber sua varinha do próprio Sr. Olivaras. Além do mais, conforme termina os capítulos você acessa informações adicionais que complementam a sua leitura, o que torna o mundo de J.K. Rowling cada vez mais vasto e fascinante.

 Você ainda receberá uma mesadinha do site (em galeões devidamente guardados em seu cofre no Gringotes, claro), com a qual poderá comprar itens mágicos, livros de magias entre outras bugigangas no Beco Diagonal. Terá acesso ao salão comunal de sua casa, ao Grande Salão (onde poderá conferir à quantas anda a disputa pela Taça das Casas, que no ano passado foi conquistada pela casa Sonserina). Quanto à arte do site só posso dizer que é linda e condizente com o espírito da obra. Acho que alguns, acostumados com o visual dos filmes, possam estranhar, mas no geral convence. 

Busquei como um dementador os créditos pelas ilustrações mas não encontrei em parte alguma, se você achar ou souber de quem são me diga. Bem, vou terminar por aqui, pois se eu contar mais eu posso acabar estragando algumas surpresas. Espero que outros autores e editoras lancem seus próprios sites interativos à partir da iniciativa de Miss Joanne. O que está esperando?

Acesse agora o POTTERMORE e viaje pelo mundo mágico de Harry Potter. 

Por Marlo George é Bladebood200 no Pottermore e acabou caindo na Sonserina, para o não espanto de Kal J. Moon.

4 comentários :

  1. Pottermore pode ser descrito como o maior sonho frustrado de todos os fãs de HP. Uma ideia de inicio genial, que mobilizou milhões de pessoas quando foi anunciado, sendo aclamado como mais uma jogada de mestre. Quando foi anunciado que no dia 23 de junho de 2011, JK faria uma apresentação para falar sobre o projeto, meio mundo de fãs, estavam juntos sendo q horário fosse [No Brasil, 7 horas da manhã] esperando o anúncio de um novo livro, da enciclopédia, da serie dos Marotos ou até mesmo um MMORPG com a saga.
    Ao fim da mensagem, um desanimo geral tomou conta de todos, mas foi rápido, por que tudo ligado a Harry Potter nos interessa e sempre é bom. Então, logo em seguida começa a epopeia para se cadastrar no Pottermore e ser uma entre o 1ª milhão que iria testar o site com meses de antecedência do restante do mundo.
    Depois do cadastro, avisaram que a entrada desse milhão seria através de enigmas, postados aleatoriamente durante 7 dias começando no dia 31 Julho[novamente, 7 e niver do HP].
    Claro que os fãs reais, logo mataram essa inicial charada e, em horários determinados importantes em cada livro, fazendo a conversão para horário de Londres, estavamos nós todos on line esperando o enigma, que era resolvido rapidamente e claro, compartilhado com todos que estivessem por perto, pois somos como uma familia, não é?
    No 1º dia eu já tinha minha conta, e nos outros 6 dias ajudei amigos a conseguirem as suas.
    E ai começava a ultima etapa, a espera do dia 31 de outubro, a abertura. Cartas de Hogwarts começaram a chegar em turnos, deixando todos loucos!
    Começamos a jornada...
    E ai já começou a decepção.
    Um site simples, sem muitos atrativos. Vc acompanha as histórias do livro em capítulos e tem acesso a informações escondidas. Aquelas preciosas informações que não entraram nos livros, mas serviram pra construir personagens e suas vidas, e isso sim é um tesouro.
    Você vai para o Beco, para Gringotes, para o Expresso e chega na escola. É escolhido para sua casa [através de um teste estranho que já foi mudado umas vezes] e dps começa a ter aulas de poções, feitiços e por ai vai.
    Mas por que isso é desapontante? Por que o site é estático, não tem nada de legal, ao mesmo tempo que é bonito, é feio, sem graça.
    Quem teve a chance de criar o pottermore, deixou-a ir pelo ralo. Uma ideia grandiosa, que seria ter o mundo de HP a disposição de todos os fãs, com detalhes e vivendo cada dia, se tornou tedioso, chato e perdeu muitos seguidores.
    Sabemos que JK é excepcional , mas em termos de informatica, ela pouco se mete.
    Um dia sonhei com uma empresa maior comprando os direitos e tornando o Pottermore em algo grandioso... Mas acho difícil.
    Eu mesma fui uma que não voltei mais ao site.
    Apesar de ainda amar a história. ifologu

    ResponderExcluir
  2. Olá, Alegria (ifologu)... Bem, nunca entrei nesse site e nem sou adepto das histórias do bruxo com cicatriz em formato de raio na têmpora aocmpanhado duma coruja... Mas pelo que Marlo falou na matéria tudo está batendo com seu relato... Só que eles consertaram os problemas iniciais...! Talvez seja uma vc voltar ao site e tirar uma conclusão... Afinal, não é só um site mas sim uma rede social / jogo / experiência que une os fãs de HP (que não é aquela impressora com cartuchos caríssimos)...

    Isso sem contar que a grande maioria das redes sociais não são tão avançadas no visual e a grande maioria tem coisas estáticas (vide Facebook, Twitter e outras). Pode ser que com o tempo, as coisas mudem. Pode ser que não fizeram com muitos apetrechos visuais - como animações e tal - para garantir o acesso a muitos que não tem internet tão rápida ou que acessam longe dos PCs... Vai saber?

    Volte lá, reúna os amigos e diga o que aconteceu... Vai que eu consiga entrar tb?

    Abração carioca! Malfeito feito!!! (KJM)

    ResponderExcluir
  3. Oi!

    Então, eu já voltei.
    E tirando umas mudanças que fizeram no teste do Chapéu Seletor, mas de resto, tudo está igual.

    É bonito, é. Mas é tedioso.

    A unica coisa que realmente é legal, é vc ter acesso a informações e detalhes sobre locais, nomes e personagens. Como no caso, a história da Minerva antes de ser professora.
    Ou por que da Petunia ser como é... Como ela e o Vernon se conheceram.

    Seus argumentos são válidos. Mas mesmo que uma rede social, a maioria que está lá, está se mantendo mais por que é fã e não por que gosta.

    Eu ainda tenho esperanças e volta e meia estou dando uma olhada, mas não tenho mais aquela emoção toda. Estou muito mais ansiosa por livros da JK que virão, mesmo não sendo temática bruxa, do que esperar algo do Pottermore.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal... Que bom que vc voltou lá... É, não me animou em nada a visitar a rede social do bruxito... Bem, pelo menos, as informações "extras" sobre os personagens valem algo para quem é fã... Então, o estouro veio na minha cara como a poção que falhou... Abração carioca! (KJM)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...